World of Darkness

A queda do anel foi só inicio
 
InícioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Um passeio pela terra média

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Mestre do Tempo
Admin
avatar

Número de Mensagens : 24
Data de inscrição : 02/04/2008

MensagemAssunto: Um passeio pela terra média   Qui Abr 03, 2008 7:05 pm

Endor [a Terra-Média]
Endor é o centro de nossa viajem e o principal continente onde se passa maior parte das historias da 3ª e 4ª era. Conhecido também como Terra-Média possui como partes principais as regiões de : Eriador, Rhovanion, Gondor, Harad Próximo, Harad Distante, Mordor e Rhun.
Ao centro de Endor temos a cadeia de montanhas conhecidas como Montanhas das Sombras a qual separa Rhovanion a leste de Eriador a oeste. Desprendendo-se do norte da região de Forodwaith a Rohan terminando na região de Isengard, antiga morada do traidor Saruman. Famosas por seus picos intransponíveis onde a terna neve se aglomera e desafia os mais corajosos ou tolos a atravessarem. Sob elas, ao sul, está Khazaddûm, a Mina dos Anões, que agora é chamada de Abismo Negro, Moria na Língua dos Elfos. Mais além fica Barazinbar, o Chifre Vermelho, o cruel Caradhras, e alem dele ficam o Pico de Prata e o Cabeça de Nuvem: Celebdil, o Branco e Fanuidhol, o Cinzento chamado pelos anões de Zirakzigil e Bundushathûr. No passado os 9 da que viajaram ao sul para destruir o Um anel tentaram transpor os picos sem terem que entra em Moria, mas foram afastados pela neve que caiu sem parar e pelos ventos fortes. Segundo Gimli os picos não deixam que os viajantes o atravessem. O caminho é feito indo ao Vale do Riacho escuro, onde se pode subir pela passagem do passo do Chifre Vermelho, sob a encosta mais distante de Caradhras, para depois descer,
caso consiga-se, através da Escada do Riacho escuro [chamado pelos Elfos de Nandurion] chegando ao vale dos anões do outro lado. Ali fica o Lago-espelho, e naquele ponto o Veio de Prata jorra em suas nascentes congeladas.

Contudo, esta região é temida, mesmo após o Caminho Verde e a Velha estrada do Sul que liga Gondor ao norte ter sido estabelecida, poucos se aventuram nesta região, onde Orcs são vistos bem como lobos selvagens e outras criaturas ainda mais aterrorizantes. As viagens continuam sendo feitas longe de Moria e dos picos de Caradhras. Ao Norte um Gundabad a terra gela, e as Montanhas abrem estreitas passagem que sobem entre a neve as tempestades. Ali Orcs e Gigantes clamam novas moradas trazendo destruição e medo ao viajante. Desta forma o oeste se isola do leste, tendo apenas o Caminho Verde a região de Rohan como
trilhas seguiras para o sul e depois para o leste. Uma viajem longa e muito cansativa e nunca totalmente sem riscos. Na região a leste e sul das Ered Luin [Montanhas Azuis] ficava a antiga morada dos primeiros Elfos chamada de Beleriand. Partes da região sobreviveram como litorais da Baía Gelda de Forochel
após a Primeira Era. Nas Montanhas Azuis também viveu Thorin escudo de carvalho que junto com Bilbo partiu para Erebor atrás do reino roubado pelo dragão Smaug. Uma pequeno grupo de anões do exílio, que antes morou em Moria, vive ainda ali, apesar de não ter metais nobres para seu trabalho preferem a paz das terras antigas ao mal que se espalhou pelo oeste.

Eriador [Terra de Reis]

Eriador ficava entre duas cadeias montanhosas, as Erde Luin e as Hithaeglir [Picos Sombrios]. A borda sul da região consistia dos rios Glaunduin Gwathlo. Grande parte da região consistia de colinas, algumas das quais chamadas de “baixadas”, um tipo de colina formada pela erosão de sedimentos leves. As baixadas eram longas cadeias, mas não eram [nas passagens em que Tolkien as descrever] simplesmente cortes de pedra expostos ao tempo. Eles eram agrupados bastante próximos. Os rios principais de Eriador eram o Mitheithel [que formava a origem do Gwathlo com o Bruinen, o rio de delimitava Imladris] e o Baranduin [rio marrom, chamado Brandevin pelos hobbits]. O rio Lhun, que corria para o sul perto das Ered Luin para o Golfo de Lhun [após a Primeira Era], era algumas vezes
chamado de divisa de Eriador, que na Terceira Era era quase um sinônimo com o reino Dunedain de Arnor. Anteriormente densamente florestado, Eriador foi desnudado de árvores na Guerra de Elfos e Sauron no meio da Segunda Era, mas ao final da Terceira Era [cerca de 4700 anos depois] a área tinha se recuperado em muitas regiões. Os Elfos viveram em Eriador por muitos anos antes das Guerras de Elfos e Sauron. Mas na Primeira Era clãs de Homens começaram a se fixar em certas regiões e os nandor retiraram-se antes deles. Foi na Segunda Era que a terra tornou-se dividida entre Elfos e Homens igualmente, pois o Baranduin marcava uma fronteira entre suas terras. Os Dunedain ficaram-se nas terras entre o Lhun e o Baranduin, nas Colinas de Evendim perto do Lago Nenuial [do qual o Baranduin corria] e nas Baixadas Norte e Sul para o leste da área. Eles governavam outros Homens que migraram para o norte durante a Segunda Era. Existiram três Reinos Élficos em Eriador: o Reino de Gil-galad, que permaneceu até o final da Segunda Era; o reino de Eregion, que permaneceu aproximadamente de 700 a 1700 da Segunda Era; e o refúgio de Imladris, que foi fundado após a queda de Eregion na Guerras de Elfos e Sauron e permaneceu até a Quarta Era. O Reino de Arnor foi estabelecido pelos Dunedain ao final da Segunda Era, reunindo sob uma coroa todas as terras que naquele momento não
estavam sob domínio Élfico. Muitos dos Dunedain eram descendentes dos Beorians da Andunie, pois naquela região vivia a maioria dos Fiéis antes da Queda de Numenor. Quando aproximadamente um terço da Terceira Era havia se passado, o Reino de Arnor foi dividido em três reinos: Arthedain, Cardolan e Rhudaur. Em um certo tempo Cardolan retornou à Coroa de Arthedain, mas Rhudaur foi conquistado pelo Rei-Bruxo de Angmar, que havia estabelecido um reino nas montanhas ao norte. O Reino Restaurado de Arnor lutou com a ajuda dos Elfos para sobreviver, mas antes do ano 2000 o reino foi tomado e destruído.
Com a queda de Angmar no ano seguinte [1975] o último grande poder no norte da Terra-média foi encerrado. Mais tarde a região degenerou, com apenas um punhado de enclaves sobrevivendo até Aragorn II restabelecer Arnor como parte do Reino Reunido [na Quarta Era]. Desde então as terras têm sido povoadas aos poucos. A maioria dos Elfos partiu dos portos Cinzentos para o Oeste. Mas
Imladris ou Valfenda se mantem como morada de Celeborn e dos filhos de Elrond [respectivamente Elladan e Elrohir]. Ainda em Eriador se encontra a terra do Condado, onde o antigo povo, até então desconhecido do qual partiu Frodo nove dedos para destruir o Um anel, prospera e canta com alegria as boas novas. Talvez um dos poucos lugares que as lembranças do passado estão sempre na mente de seu povo e todos os dias são d e festa.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://worldofdarkness.web-rpg.org
 
Um passeio pela terra média
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Reinados da Terra [Parado]
» [OFF] RPG ~ Terra Devastada
» Doton(Terra)
» VII - Pela estrada afora eu vou bem sozinho...
» JUMPER: O ADMIN MAIS BONITO DO TERRA #SQN

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
World of Darkness :: História, pergaminhos, localidades.-
Ir para: